domingo, 8 de junho de 2014

namoro

Negrinha de Angola
Anda comigo à bola
Não ligues à vizinha
Só tem inveja minha.

Negrinha de carapinha
Para mim és a rainha
No baile do Maculusso
Faz da tua beleza uso.

Negrinha o teu andar
É selvagem e felino
Temos o mesmo destino
E faremos um lindo par.

Negrinha doce menina
És a estrela pequenina
A brilhar na escuridão
Do meu pobre coração.

Negrinha coberta de chita
Sai e vem dançar rebita
Ou então vamos à praia
Banhar o sonho e a saia.

Mas se não quiseres então
O cinema à noite é opção
Um filme de amor e paixão
Pode ser um belo serão.

E ao regressar a casinha
Á noite ou pela tardinha
Podes contar à vizinha
Para não ter inveja minha
Que o amor é fortaleza
Construída com firmeza
E comerá connosco à mesa.

LM_25.fev.2014


Sem comentários:

Enviar um comentário